Jesus: Um Excelente Comunicador

Compartilhe:

No jornalismo, não é muito comum falar através de parábolas. O jornalista deve ser direto, assertivo e transmitir a mensagem sem deixar pontas para dúvidas. E funciona. Mas a comunicação é muito maior do que isso. Podemos comunicar através de versos, prosas, rimas, contar histórias reais, dar exemplos lúdicos. Mas o maior orador de todos usava parábolas como principal meio de transmitir seus ensinamentos.
Sim, estamos falando de Jesus Cristo, que não por acaso, foi e é chamado de Mestre até os dias de hoje, pela quantidade de aprendizados que conseguiu passar através de suas palavras. Sem lousa, nem giz, sem lápis ou caderno e, muito menos, algum meio tecnológico. O que aproximava Jesus das multidões era a facilidade que ele tinha em propagar suas mensagens, de forma a encantar e convencer quem estava disposto a ouvi-lo.
Com sua eloquência mansa, clareza de ideias e inteligência acima de todas as médias, conseguiu convencer até Nicodemos e Paulo de Tarso sobre as verdades que trazia. Mas, ao utilizar parábolas para exemplificar, deixava a margem da interpretação para quem estava realmente preparado para isso. Sem Facebook, Instagram ou TikTok, tem até hoje o maior número de seguidores que alguém pudesse ter em toda a história.

Mas seu objetivo não era ganhar discípulos que acompanhassem seus passos, mais sim o de conquistar as pessoas ao ponto delas ficarem onde estavam difundindo seus discursos para quem cruzasse seus caminhos. Hoje, esses seguidores somam quase 3 bilhões de indivíduos, que continuam, de alguma forma, replicando suas palavras e atos. Isso sim é comunicação. E eu afirmo ser a maior de todas.
Mesmo quem não é cristão sabe que Jesus foi é o maior professor que já existiu. Até hoje suas parábolas, interpretadas de maneira muito mais fácil na atualidade, servem como exemplo para muitas coisas. Quem nunca ouviu que não deve enterrar um talento? Ou nunca usou a expressão ‘o filho pródigo à casa torna’?
Em minha vida, sempre me cerquei da inspiração de comunicadores e escritores de sucesso, mas nenhum deles me fala tão alto quanto Jesus. Do alto de um monte, em uma sinagoga ou simplesmente dentro de um barco, conseguia mover multidões e mudar atitudes. Usava a fé como estratégia de cura. E a fé é também uma forma de comunicação. Orar é comunicar-se com algo que você não vê, mas tem certeza que está lá.

Ao falar por parábolas, ou seja, através de pequenas narrativas que usam alegorias para passar uma mensagem, Ele permitia que as pessoas pensassem. Aguçava ideias, trabalhava a questão emocional ao lado do racional, fazia as pessoas raciocinarem para compreender. Isso é comunicar de verdade. E, mesmo aqueles que não estavam prontos para entender o todo, sabiam, de alguma forma, que a vida a partir daquele ponto, teria que ser outra.
Celebrada em diversos países do mundo, a Semana Santa sempre traz reflexões sobre temas como esse. Não só porque mataram o líder comunicador, mas porque, quem crê sabe que Ele segue ensinando, convocando e ensinando como o MAIOR COMUNICADOR DE TODOS OS TEMPOS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agende uma reunião

Clique no botão abaixo para agendar uma reunião.

Mais recentes

Jesus: Um Excelente Comunicador

No jornalismo, não é muito comum falar através de parábolas. O jornalista deve ser direto, assertivo e transmitir a mensagem sem deixar pontas para dúvidas.

Leia mais »

Ao clicar em “aceitar”, concorda com o armazenamento de cookies no seu dispositivo para melhorar a navegação no site, analisar a utilização do site e ajudar nas nossas iniciativas de marketing. Clique aqui para saber mais